FaceBookYoutube

TV

TV MANCHETE

Em 1984, inicia estágio de um ano. É contratado (1985), como assistente de produção da linha infantil da emissora. Trabalhou no programa “Clube da Criança”, com Xuxa Meneguel e, posteriormente, com Angélica.

Em seguida, entra para o time de redatores do Departamento de Promoções e Merchandising, assumindo os textos dos sorteios promocionais (Karsten, Davene, Vitalizan, entre outros produtos), apresentados por estrelas da emissora como Tônia Carreiro, Lúcia Veríssimo, Christiane Torloni e Bruna Lombardi.

Em junho de 1986, assume o cargo de coordenador do departamento, passando a trabalhar em programas de variedades como “Clô para os íntimos” (com Clodovil Hernandes), “Miele & Cia” (Com Carlos Miele), “Milk Shake” (Com Mylena Ciribelli), entre outros. Fica igualmente responsável pela área de esporte (promoções ligadas a eventos como a Olimpíada de Barcelona e Copa do Mundo de Futebol).

Em abril de 1988, chega ao cargo de gerente, agregando a supervisão das ações de merchandising na linha de teledramaturgia, onde trabalhou em novelas como “Corpo Santo” (de José Louzeiro), “Carmem” (de Glória Peres), “Kananga do Japão” (de Wilson Aguiar Filho) e “Pantanal” (de Benedito Rui Barbosa).

Além de supervisionar toda a produção e criação de textos adaptados para o desenvolvimento das ações de merchandising nos programas da emissora, também colaborou na equipe de teledramaturgia, escrevendo, entre outros, o episódio “O Concerto”, da série “Histórias Populares”. Na área de promoções, coordenou eventos como “Brastemp Open de Tênis”, na ilha de Comandatuba (BA), roteirizou e dirigiu a cerimônia de entrega do “The New York Film Festival” (a TV Manchete foi uma das organizadoras do evento), além de criar e coordenar vinhetas promocionais de apoio cultural – “Clube da Alegria Royal”, para a divulgação de espetáculos infantis e “Projeto Carlton”, divulgando o teatro dirigido ao público adulto.

 


 

SBT

No início de 1998, foi convidado pelo produtor Roberto Monteiro para integrar a equipe de um projeto infanto-juvenil de teledramaturgia: “Chiquititas” – uma co-produção do SBT com a Telefe, emissora argentina.

Mudou-se para Buenos Aires, onde assumiu a função de tradutor e adaptador na novela para o público brasileiro. Ao longo dos três anos em que assinou o texto em português, trabalhou ao lado de jovens atores que hoje são profissionais de reconhecido talento, como Fernanda Souza, Débora Falabella, Larissa Bracher, Gustavo Haddad, Bianca Rinaldi, Bruno Gagliasso, Carmo Dalla Vecchia, Mascos Pasquim, Jonotas Faro, para citar apenas alguns. Flávia Monteiro, Nelson Freitas, Imara Reis, Débora Olivieri, Gésio Amadeu, Serafim Gonzalez, Magali Biff e vários outros atores, na época, já consagrados, também fizeram parte do elenco. O projeto foi encerrado no ano 2000.