FaceBookYoutube

O Mandarim do Imperador (1997)

o mandarimSINOPSE

Primeira peça do Projeto História Em Cena, apresentado no Centro Cultural Banco do Brasil, que tinha como compromisso a formação de platéia. O texto fala da mudança do regime monárquico para o republicano, seus primeiros anos e suas conseqüências. Tudo observado pelo olhar divertido de um jovem leiloeiro da Rua do Ouvidor que sonha em mudar-se para a recém inaugurada Avenida Central, o novo endereço elegante da cidade.




ELENCO

•  André Stock e Sérgio Canízio.



FICHA TÉCNICA

•  Texto e Direção: Caio de Andrade
•  Cenário e Figurino: Alexandre Murucci
•  Iluminação: Fred Pinheiro
•  Pesquisa: Maria Cecília d’Egmont
•  Design Gráfico: Silvana Mattievich
•  Produção Executiva: Caio de Andrade / André Stock
•  Direção de Produção: Projeto História em Cena
•  Realização: Centro Cultural Banco do Brasil


TEATRO

• Teatro I do Centro Cultural Banco do Brasil


NOTAS SOBRE O ESPETÁCULO

“Considero excelente o equilíbrio entre a informação histórica (tradicionalmente tão pesada) e a descontração dos personagens”
(Professor Gilberto Figueiredo – Cap / UERJ – Projetos Comunitários Fund. Xuxa Meneghel – Rio de Janeiro).

“Adorei a montagem da peça. Os alunos tiveram oportunidade de conhecer um período histórico de maneira extremamente agradável. Acrescento ainda o fato de que meus alunos não têm o hábito de freqüentar teatro e isso foi fantástico.”
(Professora Irmã Winter de Alcântara – C.E. Prof. Clóvis Monteiro – Rio de Janeiro).

“Muito bom para ser disparador dos conteúdos trabalhados formalmente na escola”.
(Professora Márcia Gomes – Escola Municipal Bertha Lutz – Rio de Janeiro).

“A fidelidade histórica do texto garante a qualidade pedagógica do espetáculo”
(Colégio Abeu – Niterói)

“Façam mais, façam muito . Contamos com isso.  Tenho alunos que hoje, pela primeira vez na vida, entraram num teatro. Agradeço por todos.”
(Turma de alfabetização da COMLURB/RJ).

“Espetáculo muito bem montado. Para mim uma excelente oportunidade de fazer uma viagem pela História do Brasil. Só temos que agradecer por este acréscimo de cultura a nossos alunos. Tenho certeza que voltaremos. Avante!”
(Colégio Cenecista Marechal Rondon – Rio de Janeiro)


CLIQUE AQUI PARA VISUALIZAR O CLIPPING DO ESPETÁCULO