FaceBookYoutube

O Mambembe Cigano (2017)

mambembe-logo-squareSINOPSE

A peça escrita e estreada em 1904 coloca em cena uma companhia teatral que viaja pelo interior do Estado do Rio de Janeiro, enfrentando todo tipo de dificuldade para realizar seus espetáculos e atrair o público. Possui as características do gênero burleta, pois traz traços de operetas, revista de ano e comédia de costumes.
É de caráter cômico, sem aprofundamento psicológico das personagens embora faça críticas sociais, pois o dramaturgo levanta questões que eram comuns à época, como a banalização da profissão do ator, que eram comparados aos ciganos ou vagabundos, além da eterna dificuldade de sobreviver de arte no Brasil.
Na montagem de Caio de Andrade, o mundo dos ciganos emoldura os elementos cenográficos, os figurinos e a música, colocando os “gitanos” como arautos e porta-vozes dos nômades, andarilhos e aventureiros.
Canções inéditas feitas pelo jovem compositor Rafael Diniz levando música ao vivo cantada por um elenco de atores/cantores – acompanhados de uma banda.
A primeira temporada aconteceu nos dias 18 e 19 de março, comemorando o terceiro aniversário do TEATRO TERESA D’ÁVILA e a segunda nos dias 27 e 28 de maio.


ELENCO

•  Alexsandra Barros
•  Bárbara Andrade
•  Carol Simões
•  Cesar Carvalho
•  Dieine Moraes
•  Felipe Caruso
•  Giane Silva
•  Guilherme Vezzaro
•  Junior Ribeiro
•  Larissa Diamantino
•  Lilian Mendonça
•  Luthe Libanor
•  Nana Maria
•  Naty Diniz
•  Paulo Sade
•  Rafael Diniz
•  Rafael Pacheco
•  Talita Moura
•  Vanessa Priscila
•  Vinícius Ribeiro
•  Yuri Toledo
•  Marisa Papa – como Dona Rita


FICHA TÉCNICA

•  Adaptação e Direção: Caio de Andrade
•  Composições Inéditas e Direção Musical – Rafael Diniz
•  Cenário – Polyana Zappa
•  Figurino – Karine Andrade
•  Iluminação – Yago Santtos
•  Sonorização – Tuti Soares
•  Preparação Vocal – Thamy Quintanilha
•  Preparação Corporal – Dieine Moraes
•  Ana Menezes – Assistente de Direção
•  Programação Visual – André Marthins
•  Fotografia – Beatriz Villela
•  Bilheteira – Ronei Euzebio
•  Direção de Produção– Teatro Teresa D’Ávila


TEATRO

• Teatro Teresa D´Ávila (Lorena-SP)